Áreas de Atuação do
Designer no Cinema

Fique por dentro das áreas de atuação do designer dentro da industria cinematográfica!

Ilustração_Sem_Título.png

O design abrange um campo de atuação extremamente amplo, no mercado há espaço para diversas áreas e o cinema é uma delas, afinal tudo o que assistimos nas telinhas está diretamente relacionado com o design.

 

O profissional na área poderá utilizar de todos os aprendizados que envolve linguagem visual para adentrar no mundo cinematográfico. O céu é o limite!

 

O designer durante a produção, execução e finalização de um filme poderá trabalhar em inúmeras funções é só soltar a criatividade e se jogar nesse universo.

 

Então, se você se interessa por cinema e design por que não unir as duas áreas e seguir na indústria cinematográfica? A seguir, seguem algumas funções executadas por designers.

 

Pode separar a pipoca que a sessão já vai começar!

Cenário

Se você se identifica com design de interiores essa é para você!

A cenografia consiste em criar a ambientação correta para cada produção e a especificidade que ela carrega, nessa área é necessária muita pesquisa, adaptabilidade, referências visuais e criatividade.

Detalhes como cores, posição dos objetos, iluminação, entre outros, devem ser levados em consideração em cada projeto.

Uma cenografia bem feita é fundamental para a compreensão do universo do filme, série, animação, etc.

Toca_dos_Hobbits.png

Cenário

Se você se identifica com design de interiores essa é para você!

A cenografia consiste em criar a ambientação correta para cada produção e a especificidade que ela carrega, nessa área é necessária muita pesquisa, adaptabilidade, referências visuais e criatividade.

Detalhes como cores, posição dos objetos, iluminação, entre outros, devem ser levados em consideração em cada projeto.

Uma cenografia bem feita é fundamental para a compreensão do universo do filme, série, animação, etc.

hasan-almasi-nKNm_75lH4g-unsplash Copy.j
Totoro_.png

Story Board

O designer também pode ser o responsável por colocar em imagens o que está escrito no roteiro do filme para auxiliar nas gravações e no entendimento de cada cena. Caso seja uma produção de animação os próprios desenhos poderão ser utilizados como base para o desenvolvimento gráfico das cenas da produção.

Você já ouviu falar no famoso Studio Ghibli? É um estúdio de cinema de animação japonês com sede em Tóquio. O estúdio é mundialmente conhecido pelas suas produções, com traços bastante característicos que faz com que o público reconheça que é uma animação Ghibli apenas visualizando os desenhos, cores e movimentos.

Efeitos Especiais

O designer também pode atuar criando efeitos especiais para o cinema. Nessa área, em geral, é necessário toda uma equipe especializada em design gráfico para pegar os desenhos criados e inseri-los nas cenas, de modo que fique bem encaixado no filme a ponto que o espectador consiga enxergar as cenas e os personagens como a realidade proposta.

Por exemplo, nos filmes de fantasia e aventura como Harry Potter, ao ver as cenas do filme quem está assistindo consegue relacionar a realidade do filme com os efeitos e não ter a sensação de estranheza (uncanny valley).

 

Já nos filmes antigos, os efeitos são mais precários devido a tecnologia da época, o que faz com que fique difícil de convencer o espectador a acreditar plenamente naquela realidade.

Harry.png
Pomo_de_ouro.png
Coraline.png

Stop Motion

O Stop Motion é uma técnica que utiliza a animação manual, feitas quadro a quadro, essa área exige essencialmente conhecimentos na área de design gráfico como fotomontagem e saber ilustrar bem.

 

Além disso, é possível trabalhar com animações 3D, que requerem maior conhecimento em modelagem 3D.

 

O filme Coraline (2009), por exemplo é uma produção feita completamente de stop motion, ou seja, os bonecos foram animados manualmente. Os personagens e cenários são movidos de milímetro em milímetro e fotografados para dar a ilusão de movimento. Cada segundo de animação precisa de aproximadamente 24 fotogramas.

Desenhos

Um bom designer é essencial na divulgação de uma obra audiovisual. Ele pode desenvolver cartazes, banners, camisetas, entre outros materiais que ajudarão o filme a se tornar um grande sucesso.

 

Utilizando seus conhecimentos na área de gráfico como tipografia, estudo da cor, grid, entre outros, é possível dar o tom visual de um filme logo no começo.

Chapeleiro_.png
Jaws_.png

Figurinos

A caracterização é muito importante para transmitir a personalidade e particularidades de cada personagem.

 

O designer de moda cria o visual dos personagens não somente com as roupas que eles usarão, mas também com todos os detalhes que farão toda a diferença como acessórios, tatuagens, penteados e características que são essenciais no filme.

Percebeu que há muitas possibilidades para o designer gráfico no mercado cinematográfico? Pois é, basta apenas que ele se interesse pelo campo de atuação e escolha uma especialidade para se dedicar. Então, se você gosta de cinema e criação audiovisual porque não trabalhar com isso?

Vamos Galera, Designers!